0

O rescaldo...

terça-feira, 4 de dezembro de 2018

Os que nos seguem, já estão a par da minha aventura neste mundo dos eventos, mas especificamente na organização de um Mercado de Natal, o Little Xmas Bazaaar, em Faro. Foi este domingo e apesar de ainda estar a sentir os efeitos da azáfama da última semana, não poderia deixar de vir aqui falar-vos sobre o evento. Assim de forma geral, correu muito bem, superou todas as nossas expectativas, uma vez que, recebemos muitas visitas, os expositores ficaram satisfeitos com as vendas e o público também saiu satisfeito com a iniciativa. Acho que para uma primeira vez, para esta equipa inexperiente neste tipo de eventos, o resultado foi muito bom. Temos noção de que o espaço era reduzido, e que em alguns momentos, a circulação não foi fácil. 
Agradeço de coração às marcas que aceitaram o convite e arriscaram participar num Mercado desconhecido, a todas as pessoas que nos visitaram e que nos incentivaram a continuar. 
Agradeço principalmente à Ana e à Ângela do Fairytale Events (as melhores na organização e decoração de festas) e à Patricia das Ervilhitas. Agradeço também ao Hotel Eva, pela disponibilidade e pela solidariedade, uma vez que doou o valor do aluguer da sala à Nascer Prematuro. Ao Carlos Lima da Stampa e ao Francisco José Publicidade por toda a colaboração e disponibilidade. 

A vontade em realizar mais eventos deste género no nosso Algarve ficou ainda maior, por isso fiquem atentos, porque podem vir mais novidades!!!
























0

Aprendi muito...

sexta-feira, 16 de novembro de 2018

Não sei o que é chegar às 30 semanas de gravidez (apenas chegámos às 27), não sei o que é sentir o cheiro de um recém-nascido ao meu colo, nem imagino a sensação do primeiro toque numa pele macia e imaculada como a de um bebé. Não sei o que é amamentar... apesar de ter passado horas ligada a uma máquina, a forçar pensamentos positivos para que o leite não secasse. Aprendi muito. Aprendi a valorizar a vida ao segundo, aprendi a agradecer e a celebrar todas as conquistas, a primeira vez que lhes mudei a fralda, a primeira vez que os peguei ao colo, o dia em que chegaram às 1500g, o cocó, o xixi,o dia em que tiram o oxigénio, o dia em que retiraram a sonda... São tantas vitórias para uns seres tão pequenos.... pela vida deste heróis, pelos pais que estão a passar e por aqueles que ainda poderão passar pela prematuridade, assinalarei sempre este dia, o dia Mundial da Prematuridade. 






0

Só por isto, já vale a pena ter filhos rapazes...1

segunda-feira, 12 de novembro de 2018

Hoje na hora do banho, que é um tempo individual que tenho para cada um, pergunto ao Diego:
- já sabes o que gostarias de pedir ao Pai Natal?

Diego: - um fato do Power Ranger e a espada e um anel. 

Eu: - um anel?!!

Diego : - Sim, mamã! Um anel para ti,  daqueles com diamante por cima!

Naquela altura, a minha face deve ter esboçado todas as expressões de apaixonada!

Depois vem o Dinis, que não estava presente naquela altura e eu pergunto o mesmo:

- então Dinis, já sabes o que gostarias de pedir ao Pai Natal?

Dinis: - mamã, posso pedir uma prenda para ti?!!

Oh Meu Deus, o meu coração não aguenta tanto amor e tanto romantismo!! 







0

O evento que o Algarve já merecia!

domingo, 21 de outubro de 2018

Hoje trago boas notícias para as famílias algarvias, principalmente para aquelas que pediam um mercado de bebé e criança, semelhante aos que já acontecem em muitas regiões do país. Pois é, as últimas semanas têm sido uma correria, o que também justifica um pouco a minha ausência aqui pelo blog, para conseguir fazer-vos esta surpresa. Vamos ter um Mercado de Natal em Faro, o Little Xmas Bazaaar. Não tem sido uma tarefa fácil, mas muito mais facilitada com parceiros como a Fairytale Events and Parties,  o Hotel Eva e as Ervilhitas. Aos poucos, iremos desvendar as marcas que participarão neste mercado de Natal, mas posso garantir-vos desde já, que teremos uma oferta diversificada de tudo o que precisam para um Natal cheio de requinte. Sendo o Natal uma época solidária, não poderíamos deixar de nos associar a uma causa, neste caso, a Nascer Prematuro, que apoia as famílias de bebés prematuros durante e após o internamento dos seus filhos, assim como as instituições que precisem de algum material. 
Vamos tornar este Little Xmas Bazaaar num grande mercadinho de Natal. 
Contamos com a vossa presença!









1

Mais um susto para a colecção...

segunda-feira, 8 de outubro de 2018

Como num segundo, tudo pode mudar...
Na quinta à tarde, já em casa depois do dia de escola, ouvi o Dinis a engasgar-se e a arranhar a garganta. Fui até ele e percebi de imediato que tinha engolido alguma coisa. Estava aflito porque dizia que sentia uma coisa na garganta, mas não queria dizer que tinha engolido algo. Sem ralhar, dizendo que era muito importante saber, lá o convenci a contar. Disse que tinha engolido uma roda de uma mota pequena, com a qual tinha andado a brincar. 
Peguei nele, voei até ao hospital onde estava o pai, sempre com o coração nas mãos, para fazer raio-x. Confirmou-se. Tinha engolido uma espécie de roda, mas com bicos de ferro. O problema de ter ido para o pulmão já estava descartado, mas sendo uma peça com bicos, havia risco de ficar presa em algum sítio ou perfurar. Teria de ser retirada. 
Foi sedado e por endoscopia alta, conseguiram tirar a peça com sucesso. Foram umas horas de stress indescritíveis para os pais e uma lição para o Dinis, que espero que não se esqueça tão cedo. São acidentes que, quem tem crianças dificilmente consegue evitar e que nos deixam a reflectir sobre os riscos que correm diariamente com a mais variada quantidade de objectos que os rodeia. Nem aos 5 anos, fase em que achamos que já não correm esse perigo, deixam de colocar objectos na boca. 
Felizmente, correu bem e o Dinis está óptimo! 








Ouvimos falar de bebés prematuros que pesam menos de 1kg, que precisam de ficar uns dias numa incubadora, mas não temos a noção do que isso significa e implica. São bebés muito mais pequenos do que alguém que não tenha visto nenhum, consegue imaginar. São muito frágeis e sensíveis a qualquer ruído ou manipulação mais forte e requerem muitos cuidados minuciosos, como uma simples troca de fralda, para se manterem ligados à vida. Infelizmente, é um número que tem aumentado ao longo destes últimos anos. Em Portugal, cerca de 1 em cada 13 nascimentos ocorrem antes das 37 semanas de gestação. Por esta razão, é importante que haja uma evolução na indústria de produtos para o cuidado do bebé que nasceu prematuro. Recordo-me, que quando os meus filhos nasceram, os enfermeiros e até eu, tinhamos de cortar e selar fraldas para que se adequassem aos seus pesos de cerca de 1kg. Relembro que o mais pequeno nasceu com 965 g e o maior com 1130g, peso que baixou ainda mais nos dias seguintes ao nascimento. 
Por este motivo, é óbvio que a minha alegria é imensa, ao receber a notícia de que a Dodot desenvolveu umas fraldas mais pequenas, as Dodot Sensitive Prematuro tamanho -3, que são três vezes mais pequenas do que as fraldas para um recém-nascido de termo. Em números, são fraldas que se adequam a bebes com um peso inferior a 800g. E melhor notícia ainda, é que a marca doará a partir de Janeiro de 2019, 200.000 fraldas aos hospitais portugueses. Agora só anseio que a Unidade de Cuidados Intensivos Neonatais onde os meus filhos nasceram e onde eu também trabalho, seja uma das privilegiadas. 

Para que tenham uma noção mais real do tamanho de um prematuro extremo, deixo-vos a fotografía do gorro que a minha filha usou um mês depois de nascer e de um gorro de recém-nascido, assim como o tamanho da fralda Dodot T-3 comparativamente com uma fralda T3.








A Dodot vai ajudar os nossos pequenos guerreiros, mas nós também podemos ajudar partilhando o video abaixo em que cada partilha, a XXS- Associação Portuguesa de Apoio ao Bebé Prematuro, recebe 1€. 






0

Eles sonham, nós concretizamos...

terça-feira, 25 de setembro de 2018

Quando chega o dia é que me apercebo que o tempo passa mesmo rápido demais, que parece que foi ontem que os meus filhos nasceram e já fizeram 5 anos. 
Como já tem sido habitual, a festa de comemoração do aniversário do trio é obrigatória e de preferência em casa, pelo menos enquanto a minha sanidade mental o permitir. Mas o que não tinha acontecido até este ano, era que a escolha do tema fosse feita por eles. E quando chegamos a esse momento, até as pernas tremem com medo dos pedidos que aí vêm. Os meninos escolheram a festa dos Star Wars e a Maria escolheu o tema unicórnio. Um verdadeiro desafio que só poderia ter sido entregue a verdadeiros profissionais  como a Fairytale Events and Parties. E de facto, não poderia ter sido melhor. Conseguiram transformar dois temas claramente diferentes e pouco fofinhos, no caso dos Star Wars, num cenário super elegante, digno de qualquer filme de Hollywood. Os bolos eram diferentes, pela primeira vez foram 3, a pedido deles, e foram feitos por mim, como já tinha planeado há algum tempo. Fiz um de chocolate e iogurte, outro de chocolate com chocolate e outro de cenoura com recheio de Nutella e cobertura de creme de mascarpone. Os toppers ficaram a cargo da Fairytale Events. 
O trio ficou sem palavras e só diziam que a festa estava linda!!!
A animação também foi um sucesso e ficou a cargo da Formiga animada. Confesso que quando soube que vinha só uma animadora para cerca de 30 crianças, fiquei apreensiva, mas digo-vos que deu bem conta do recado. 

Agora fechem os olhos que vão entrar num mundo da fantasia!!!



















O convite

    
Terminámos o dia de coração cheio, pela alegria dos nossos filhos, pela presença dos convidados e também por todas mensagens que recebemos! Obrigada!

Se quiserem a receita dos bolos, eu publicarei no blog mais tarde!!

Blogs Portugal